A influência dos imigrantes na gastronomia do Paraná - CBN Maringá

8 Sep 2017

 

Olá Pessoal!

Em relação a coluna na CBN Maringá, quero partilhar aqui com vocês, o quanto essa experiência tem sido rica, e tem me feito aprender outras formas de se fazer Gastronomia!

Confira a minha participação na coluna do Gilson Aguiar aqui neste link aqui: RádioCBNMaringá

 

Bom já que estamos falando desse projeto, no último programa, falamos sobre o nosso estado, o nosso Paraná. Essa pauta, foi um privilégio, pois resgatar um pouco da cultura gastronômica da nossa região, é algo muito prazeroso. Dessa forma, convido vocês para estendermos um pouco mais esse tema.

 

Quando remetemos a cultura gastronômica do Paraná, nos vem a mente entre tantas

riquezas o Barreado, prato típico do nosso estado.

O Barreado , sim é o Prato Típico do Paraná, é conhecido em Morretes há mais de 200 anos. E

como comentei, ele surgiu com o entrudo – festa semelhante ao carnaval. Durante esses festejos, preparavam paneladas de barreado, para que os foliões, não precisassem se preocupar com a comida. Dessa maneira, quando os foliões sentiam fome, requentavam o barrreado. E para evitar que as carnes secassem, as pessoas passavam a folha de bananeira entorno da panela.

Ainda depois de tampada a panela, usavam barrear a mesma, com um pirão feito de farinha, cinzas do fogão, lenha e água. Surgiu ai, o termo barreado.

 

 

Atualmente esse prato é servido tradicionalmente em Antonina e Morretes, onde nesse último encontramos uma infinidade de restaurantes que servem essa iguaria, as margens rio Nhandiaquara. Para aqueles que tem mais tempo, vale a pena sair de Curitiba, fazendo o percurso de trem. São quatro horas, passando por vários pontos belíssimos até chegar no vilarejo de Morretes. Além do famoso barreado, suas balas de bananas e cachaça fazem história.

 

Bom, para aqueles que conhecem o prato e querem relembrar, e para aqueles que só ouviram falar, vai ai, a minha receita de Barreado. Façam, comam sozinhos ou chamem os amigos, mas

me contem como ficou!!!

 

 

 

Receita de Barreado

 

Ingredientes

5kg de carne de segunda ( coxão mole, patinho, peito)

500gr de toucinho fresco

3 cebolas grandes cortada em cubinhos

4 tomates grandes sem pele e sem semente

3 dentes de alho picados

4 folhas de louro fresca

1 colher de sopa de cominho

Pimenta do reino a gosto

Sal a gosto

4 maços de cheiro verde

1 maço de alfavaca ( opcional)

Para vedar a panela:

2 xicaras de farinha de mandioca

1 xicara de farinha de trigo

Água fervente para dar liga

 

Modo de Preparo:

1-Limpe e corte a carne em cubos de 4 cm

2- Tempere com sal e pimenta a gosto

3- Numa panela de barro, refogar o toucinho.

4- Acrescente a cebola e o alho e deixar dourar

5- Juntar a carne, o tomate o louro, o cheiro verde, a alfavaca e o cominho

6- Cobrir com água e tampar

Como barrear a panela

1- Colocar as farinhas com a água quente em um recipiente

2- Misturar esses ingrediewntes até atingir uma textura de cola

3- Passar essa mistura entre a tampa e a panela, de modo a veda-la

4- Levar a panela em fogo baixo por 12 horas

 

Como servir o Barreado

Depois de pronto, colocar a panela de barro na mesa, e servir da seguinte maneira:

Num prato fundo, colocar duas colheres de farinha de mandioca fininha . Adicionar uma concha do caldo e misturar bem, fazendo o pirão escaldar (ou seja cozinhar a farinha, isso é fantástico). Sobre esse pirão, colocar uma concha da carne desfiada e misturar bem. Cortar a banana, colocar gotas de pimenta (se você gosta) e saborear tudo isso junto.

 

Ps. Não sei vocês, mas eu já estou aqui babando!!!

 

Até a próxima!

beijos 

 

 

post original do dia 21.abril de 2017

Compartilhe
Compartilhe
Curta!
Please reload

Categorias
Please reload

Archive
Please reload

Receba as novidades
Please reload

Postagens Recentes